"O maior inimigo da autoridade é o desprezo e a maneira mais segura de solapá-la é o riso." (Hannah Arendt 1906-1975)

sábado, 30 de julho de 2016

4 DE AGOSTO - CONVITE PARA "UMA NOITE DE CRIME"


Carta Aberta do Bloco da Segurança Pública à população:

ALERTA AO POVO GAÚCHO

NÃO SAIA NA RUA NO DIA 04/08/2016


O BLOCO DA SEGURANÇA PÚBLICA representado por suas respectivas entidades, reunido da data de hoje, mediante a notícia de novo parcelamento de salário, dessa vez com a aviltante parcela de R$ 650,00 depositados na conta dos servidores, aliado a toda política de desmonte dos serviços públicos do GOVERNO SARTORI do PMDB, vem a público alertar que a situação é insustentável.
O reiterado e injustificado parcelamento salarial, ao qual os servidores do estado, mais especificamente os operadores da segurança pública estão submetidos, vem comprometendo a sua dignidade e de suas famílias, pois não tem mínimos recursos financeiros para o seu transporte ao local de trabalho e nem mesmo para sua alimentação e de suas famílias. Afinal, do que serviu o aumento de impostos implementado pelo Governo do Estado, tendo usado como justificativa o pagamento de salário de servidores? Registramos nossa veemente crítica ao Poder Judiciário que não faz cumprir sua decisão que proíbe o parcelamento salarial. Não é possível que homens e mulheres que arriscam suas vidas na proteção da sociedade gaúcha, tenham que se submeter a tamanho vexame e humilhação frente ao novo parcelamento de salários, por isso e em razão dos motivos acima expostos, as entidades que compõe o BLOCO DA SEGURANÇA vem a deliberar pelas seguintes ações:

1- Convidar os colegas da Segurança Pública (PC, BM, IGP, Bombeiros e Susepe) para estarem na frente do Palácio Piratini, às 11hs, amanhã, 29 de junho de 2016 , com o intuito de exigir imediata agenda com o Governador do Estado, José Ivo Sartori.

2- No mesmo dia e horário, convidamos os colegas do interior do estado, a realizarem atos em frente as suas respectivas prefeituras, buscando destas o apoio necessário para a solução da terrível crise que assola os operadores da Segurança Pública do RS.

3- As entidades que compõe o BLOCO DA SEGURANÇA PÚBLICA anunciam a deflagração de uma OPERAÇÃO PADRÃO que deverá ser mantida até a integralização do salário.

4- Convocação para 15hs de paralisação no dia 04 de agosto de 2016, a partir das 06hs da manhã até as 21hs, visando marcar a revolta das categorias frente a esse descalabro. Chamamos a atenção da sociedade gaúcha para que durante esse dia evite sair as ruas, abrir o comércio, levar seus filhos à escola, bem como orientamos a suspensão do transporte público, frente a absoluta falta de segurança que deverá imperar nesse dia.

Porto Alegre, 28 de julho de 2016.

AMAPERGS – ASSTBM – ABAMF – UGEIRM – AOFERGS – SINDIPERÍCIAS – ABERGS

Nenhum comentário:

Postar um comentário